Futebol

Ídolo do Corinthians, Zenon visita Museu Esportivo de Maringá

Por Gustavo Fuzario – 

O consagrado craque Zenon, que atuou em grandes clubes como o Avaí, Guarani (foi um dos principais destaques do time que se consagrou campeão brasileiro de 1978), Corinthians (participou do famoso time da Democracia Corintiana, bicampeão paulista em 1982 e 1983) e Atlético Mineiro, visitou o Museu Esportivo de Maringá no último sábado (7). Amigo pessoal de Zenon, Joniel Piassa foi quem promoveu a visita do craque.

Zenon foi recepcionado pelo diretor do Museu Esportivo de Maringá, Antonio Roberto de Paula, e por esportistas maringaenses. Nas quase duas horas em que permaneceu no Museu Esportivo de Maringá, Zenon autografou camisas, posou para fotos, falou sobre sua carreira e, no final, ainda participou do sorteio do 5º Bolão, promoção do Museu Esportivo, do jogo Brasil 1 x 2 Bélgica, em que os acertadores receberam brindes da Viapar.

Numa das salas do Museu Esportivo, onde estão expostas relíquias que contam a história do Grêmio de Esportes Maringá, Zenon aceitou vestir uma camisa da época em que ele atuou no Galo do Norte, no início da década de 1990, camisa que pertenceu ao meio-campista Cleber Gomes e que foi doada ao Museu.

A histórica camisa do Corinthians, de 1982, da Democracia Corintiana, do acervo do Museu Esportivo de Maringá, autografada pelos jogadores (Zenon, inclusive) daquela campanha do título paulista, doada por Eduardo Ciríaco, foi umas das peças mais fotografadas ao lado do antigo ídolo do Timão (foto ao lado).

Todos que estiveram no Museu Esportivo de Maringá destacaram a humildade e a simpatia do ex-jogador que teve poucas chances com a camisa da seleção brasileira, onde jogou em 6 partidas apenas (três vitórias, um empate e duas derrotas).

Atualmente, Zenon reside na cidade de Campinas, trabalha como comentarista esportivo de TV, promove e atua em amistosos da seleção brasileira Masters e do Corinthians Masters.

 

 

Comentários

comentários